Nacional-URU 2 x 3 Santos

Data: 31/01/1962, quarta-feira
Competição: Amistoso
Local: Estádio Centenário, em Montevidéu, Uruguai.
Público: 35.260 pessoas
Renda: 380.087 pesos (Cr$ 15.200.000,00)
Árbitro: Juan Carlos Armental (URU).
Expulsos: Dorval e Zito (S).
Gols: Dorval (43-1); Douksas (03-2), Pelé (19-2), Décio Brito (25-2) e Pagão (40-2).

NACIONAL (URU)
Roberto Sosa; Horacio Troche, Eliseo Álvarez e Mário Mendez; Emilio Álvarez (Ruben González) e Manuel Origone; Roberto Álvarez (Guagliaone), Jorge Oyabide (Vergara), Juan José Rodríguez, Vladas Douksas e Guillermo Escalada.
Técnico:

SANTOS
Laércio; Lima (Getúlio), Olavo e Décio Brito; Calvet (Formiga) e Zito; Dorval, Mengálvio (Tite), Coutinho (Pagão), Pelé e Pepe.
Técnico: Lula



Santos vence o Nacional: 3 a 2

Zito foi expulso aos 42-2, por reclamar de um pênalti marcado contra o Santos. Escalada desperdiçou a cobrança.

Já Dorval foi expulso aos 44-2, por reclamar a marcação de uma penalidade em cima de Pelé, que o juiz não deu.

Por essa apresentação o Santos ganhou 17 mil dólares.

Fontes:
Estadão
Correio da Manhã (RJ)