São Paulo 3 x 2 Santos

Data: 18/10/1981, domingo, 16h00.
Competição: Campeonato Paulista – 2º turno – 19ª rodada (última)
Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo, SP.
Público: 39.619 pagantes
Renda: Cr$ 8.811.300,00
Árbitro: João Leopoldo Aieta.
Cartões amarelos: Palhinha (S); Gassem e Marinho Chagas (SP).
Gols: Serginho Chulapa (32-1, de pênalti) e Serginho Chulapa (41-1); Serginho Chulapa (30-2), Pita (36-2) e Chicão (42-2).

SÃO PAULO
Waldir Peres; Getúlio, Gassem, Darío Pereyra e Marinho Chagas; Almir, Renato e Éverton; Paulo César, Serginho Chulapa e Mário Sérgio.
Técnico: Chico Formiga

SANTOS
Marolla; Suemar, Mauro Patrício, Neto e Washington; Chicão, Elói e Pita; Claudinho (Nílson Dias), Palhinha e João Paulo (Ronaldo).
Técnico: Daltro Menezes



O bigode de Chicão aos pés de Serginho

O centroavante fez todos os gols do São Paulo ganhou a aposta feita com o santista

Termina o 2º turno e começará o octogonal decisivo. Assim ficaram os grupos:

– Grupo Branco: Guarani, XV de Jaú, Corinthians e São Paulo.
– Grupo Preto: São José, Ponte Preta, Santos e Palmeiras.

Elói condena esquema tático

Após a derrota o ponta de lança Elói critica ter sido escalado para marcar e é afastado por Daltro. Técnico tem a sua terceira derrota consecutiva no comando do Santos.

Depois de raspar o bigode, cultivado desde a Copa do Mundo de 78, e pagar a aposta, Chicão saiu de campo com suspeita de fratura no tornozelo.

Fonte: Jornal Folha de SP