Vídeos: (1) Gols e (2) melhores momentos.

Santos 2 x 2 Atlético-MG

Data: 17/10/2012, quarta-feira, 22h00.
Competição: Campeonato Brasileiro – 31ª rodada
Local: Estádio da Vila Belmiro, em Santos, SP.
Público: 10.553 pagantes
Renda: R$ 171.950,00
Árbitro: Heber Roberto Lopes (Fifa-PR)
Auxiliares: Roberto Braatz (Fifa-PR) e Alessandro Rocha de Matos (Fifa-BA).
Cartões amarelos: Adriano (S); Rafael Marques, Júnior César, Pierre, Carlos César (A).
Gols: Miralles (19segs-1) e Neymar (11-1); Bernard (17-2) e Jô (26-2).

SANTOS
Rafael; Bruno Peres, Bruno Rodrigo, Durval e Léo (Gérson Magrão); Adriano (Bill), Henrique, Arouca e Felipe Anderson (Bernardo); Neymar e Miralles.
Técnico: Muricy Ramalho

ATLÉTICO-MG
Victor; Marcos Rocha (Carlos César), Leonardo Silva, Rafael Marques (Richarlyson) e Júnior César, Leandro Donizete, Pierre, Serginho, Bernard e Ronaldinho Gaúcho; Jô (Leonardo).
Técnico: Cuca



Neymar mostra fôlego e brilha, mas Atlético-MG busca empate na Vila

Após longa viagem de volta da Polônia, onde defendeu a seleção, meia faz gol na Vila no empate entre santistas e atleticanos

Santos e Atlético-MG fizeram um jogo bastante movimentado, repleto de emoções e incidentes, e empataram por 2 a 2, nesta quarta-feira, na Vila Belmiro. A partida foi válida pela 31ª rodada do Brasileirão.

Após passar por uma verdadeira maratona para jogar, retornando ao país um dia depois de ajudar a seleção brasileira a golear o Japão, por 4 a 0, nesta terça-feira, na Polônia, o atacante Neymar completou 200 partidas com a camisa do Santos. O craque marcou o segundo gol, mas não conseguiu fazer a sua equipe sair com a vitória. O Atlético reagiu, após estar perdendo por dois gols, empatando o jogo.

O jogo marcou ainda dois incidentes com jogadores do Atlético. O zagueiro Rafael Marques deixou o estádio de ambulância, após desmaiar em choque de cabeça com o colega de zaga Leonardo Silva. Ele foi atendido na Santa Casa de Santos, e passa bem.

Outro que assustou foi o jovem Bernard, que se chocou com o volante Henrique e também precisou deixar o gramado.

O resultado manteve os santistas na nona colocação do Brasileiro, agora com 42 pontos. Já os mineiros continuam no segundo lugar da Série A, com 60 pontos ganhos e nove a menos que o Fluminense.

Na próxima rodada, o Santos visita a Ponte Preta, domingo, a partir das 18h30 (horário de Brasília), no Moisés Lucarelli. Neymar, suspenso por dois jogos pelo STJD, por causa de sua expulsão contra o Grêmio, no último dia 30, em Porto Alegre, não poderá atuar.

Enquanto isso, os atleticanos recebem o Fluminense, líder do Brasileirão, também no domingo, só que às 16 horas, na Arena Independência.

O jogo

O Santos começou avassalador. Com apenas 19 segundos de jogo, o argentino Miralles recebeu de Felipe Anderson dentro da grande área e bateu no canto esquerdo de Victor, sem chances de defesa: 1 a 0 para o Peixe.

Melhores em campo, os santistas ampliaram aos 11. Em grande lance individual de Neymar,que fintou Rafael Marques, Leonardo Silva e Júnior César, o atacante apenas deslocou o goleiro atleticano, colocando a bola no canto direito e ampliando a vantagem de sua equipe no marcador.

O segundo gol fez o Atlético-MG reagir. Aos 16, o lateral-direito Marcos Rocha quase descontou em chute que exigiu grande defesa de Rafael, que espalmou a bola para escanteio.

Um minuto depois, o Galo descontou. Serginho fez grande jogada individual, driblando o lateral-esquerdo Léo e cruzando na medida para Bernard, de cabeça, dentro da pequena área, bater o goleiro Rafael.

O gol animou o Atlético-MG, que adiantou a sua marcação e passou a pressionar a saída de bola do Santos. Aos 26, a recompensa chegou para o Galo. Em rápido contra-ataque, Marcos Rocha lançou Bernard, Rafael tentou cortar, mas a bola sobrou para a finalização de Jô, que não desperdiçou a oportunidade de empatar o duelo: 2 a 2.

No lance do gol de empate, Rafael Marques e Leonardo Silva, ambos zagueiros do time mineiro, se chocaram e o primeiro levou a pior. Marques precisou ser imobilizado e, por problemas no acesso da ambulância da Vila ao gramado, precisou ser retirado de maca. O defensor atleticano, que foi substituído por Richarlyson, foi encaminhado a Santa Casa de Santos e está consciente. Rafael Marques ainda irá passar por tomografia no hospital para maiores detalhes do seu quadro clínico.

Após dez minutos de interrupção, o jogo foi retomado, porém, o ritmo da partida diminuiu bruscamente. Antes do intervalo, o veterano Léo deixou o confronto, lesionado. Gérson Magrão entrou no seu lugar.

Na volta para o segundo tempo, o Atlético-MG quase virou. Aos dois minutos, Ronaldinho Gaúcho levantou a bola para Richarlyson quase marcar o terceiro gol dos visitantes na Vila Belmiro.

Com o Peixe levando pouco perigo ao gol defendido por Victor, o técnico Muricy Ramalho resolveu mexer novamente na sua equipe. Desta vez, por opção tática. Aos 19, Felipe Anderson deu lugar a Bernardo.

No minuto seguinte, Bernardo cobrou falta para a área, Neymar quase completou e a bola sobrou para Miralles. O argentino, entretanto, não conseguiu o arremate e a zaga adversária afastou o perigo.

Aos 24, os santistas estiveram mais uma vez perto do terceiro gol. Neymar recebeu da entrada da área e tentou bater no canto esquerdo de Victor. O goleiro atleticano se esticou para desviar a bola com a ponta dos dedos e salvar o seu time. Precisando da vitória para encurtar a distância para o primeiro colocado do Brasileirão, o Galo promoveu duas alterações.

Aos 29, Jô saiu para a entrada de Leonardo, no ataque. Dois minutos depois foi a vez do ala-direito Marcos Rocha sair para a entrada do lateral-esquerdo Carlos César. Após o choque com o volante Henrique, Bernard foi outro jogador do clube mineiro a precisar deixar o gramado, aos 33.

O atleta saiu de maca, imobilizado, com um colete protetor na região do pescoço, e o seu time ficou com um a menos em campo. No minuto seguinte, o Atlético-MG teve uma grande chance, pois a zaga santista não tirou a bola de sua grande área e, no rebote, Leonardo mandou por cima do gol de Rafael.

Para os minutos finais da partida, Muricy aproveitou a vantagem numérica no gramado para sacar o volante Adriano para a entrada do centroavante Bill. No entanto, apesar da pressão dos donos da casa, o Galo resistiu a pressão e o empate perdurou até o apito final do árbitro.


Vídeos: (1) Globo Esporte e (2) os lances geniais do Neymar na partida.

Após novo golaço e drible espetacular, Neymar brinca com Ronaldinho.

Atacante do Santos brilhou mais uma vez no empate da sua equipe contra o Atlético-MG, na noite desta quarta-feira.

Neymar e Ronaldinho Gaúcho foram os personagens principais de um dos duelos mais emocionantes do futebol brasileiro nos últimos tempos: a vitória do Flamengo por 5 a 4, no dia 27 de julho do ano passado, na Vila Belmiro. Os dois voltaram a se enfrentar no empate entre Santos e Atlético-MG por 2 a 2 , na noite desta quarta-feira, na Vila Belmiro, porém o atacante da equipe paulista brilhou mais do que o meia-atacante do time mineiro, marcando o segundo gol do clube praiano na partida.

Feliz com mais uma boa atuação contra Ronaldinho, Neymar brincou com o camisa 49 atleticano após o apito final. “Espero que ele venha mais vezes”, disparou o craque, destacando que tem levado sorte nos embates com aquele que é considerado pelo próprio santista como um dos seus ídolos no futebol.

Indagado sobre o lance do segundo gol de sua equipe, aos 11 minutos do primeiro tempo, no qual driblou Rafael Marques, Leonardo Silva e Júnior César antes de finalizar no canto direito de Victor, Neymar ressaltou que a jogada nasceu de improviso.

“O futebol é improviso. Não foi nada planejado. Você imagina uma coisa na concentração, mas na hora do jogo tudo pode mudar. Aí você fica sujeito a improvisação e deu certo. Pensei rápido para sair nas melhores condições possíveis dos marcadores. Depois, eu esperei e chutei no canto”, contou.

Por falar em improviso, já nos acréscimos da partida, Neymar aplicou um lindo chapéu de carretilha no defensor Carlos Cesar, do Atlético-MG, levando os torcedores santistas que foram à Vila Belmiro ao delírio.

Neymar completou 200 apresentações com a camisa alvinegra nesta quarta, mas não poderá enfrentar a Ponte Preta, no próximo domingo, no Moisés Lucarelli. Suspenso por dois jogos pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), por sua expulsão no empate com o Grêmio, no último dia 30, em Porto Alegre, o atacante cumpriu a pena automática no empate com o Internacional, no dia 6 deste mês, na Vila.

Golaço de Neymar em seu 200º jogo pelo Santos é destaque na imprensa mundial

Atacante santista marcou mais um golaço pelo Santos e ganhou espaço em jornais espanhóis e sul-americanos

O golaço que o atacante Neymar marcou no empate entre Santos e Atlético-MG por 2 a 2 nesta quarta-feira foi destaque nos sites de várias publicações pelo mundo.

O britânico The Guardian classificou a jogada de “atordoante” e lembrou que o brasileiro enfrentou uma viagem de 20 horas da Polônia, onde defendeu a seleção brasileira em amistoso contra o Japão.

Já o caderno de esportes do jornal espanhol El Mundo, destacou que o gol foi marcado na comemoração do jogo de número 200 do craque pelo Santos e contra o time do ex-ídolo do Barcelona Ronaldinho Gaúcho.

Os franceses do Chronofoot, por sua vez, disseram que Neymar fez um gol “à la Bergkamp” e o colocaram como um dos maiores atletas do futebol mundial.

A pintura do santista ainda virou notícia em outros veículos como os argentinos Clarín e Ole, os espanhóis As e Sport.es, além dos franceses L’Équipe e TF1.

Neymar rebate especulações e diz que fica no Santos: “Acreditem em mim”

Atacante santista novamente deixou os boatos sobre a sua saída de lado e afirmou que cumprirá seu contrato com o time paulista

Principal atleta do futebol brasileiro na atualidade, o atacante Neymar garantiu, mais uma vez, a sua intenção de não deixar o país antes da Copa do Mundo de 2014. O atacante rebateu a série de especulações da imprensa europeia, que têm apontado o seu futuro para longe da Vila Belmiro. De acordo com o camisa 11 do Santos, ele cumprirá seu contrato com o clube alvinegro, válido até a próxima Copa.

“Desde quando eu subi para o profissional, em 2009, sempre falo que vou ficar. Sempre tem boatos, Chelsea, Real Madrid ou Barcelona, e eu sempre falando não, que vou ficar. E vocês (jornalistas) sempre falam que eu vou sair. Então, por favor, eu peço que acreditem na minha palavra uma vez”, afirmou Neymar, esfriando os comentários sobre possível transferência para o Velho Continente.

Recentemente, o diário catalão Mundo Deportivo destacou que Peixe e Barcelona teriam um acordo para a contratação da Joia santista e que, caso Neymar desejasse romper esse acerto e se transferir para outro clube da Europa, a equipe espanhola receberia uma indenização de 80 milhões de euros (R$ 210 milhões). O também catalão Sport chegou a noticiar uma possível reunião em São Paulo, na qual o atacante teria pedido ao Barça “que o contratasse o quanto antes.

“Quem toma conta da minha vida, da minha carreira, somos eu e o meu pai. A partir do momento em que vocês ouvirem da minha boca que eu vou sair, ou da boca do meu pai, aí podem ter certeza. Enquanto isso, todos podem ficar tranquilos: não vou sair do Santos”, concluiu.

Os direitos econômicos de Neymar estão divididos da seguinte forma: 55% do Alvinegro Praiano, 40% do grupo DIS e 5% da Teisa (Terceira Estrela Investimentos S.A). Porém, caso a Joia se transfira ao término do seu vínculo com o Santos, nenhuma das partes receberá qualquer tipo de compensação financeira pela negociação.

Bastidores – Santos TV:

Santos promete tomar providências para permitir ambulâncias no gramado na Vila

Rafael Marques sofreu grave acidente, mas ambulância não pôde entrar em campo por causa de degrau à beira de campo

Um choque de cabeça com o companheiro Leonardo Silva, deixou Rafael Marques desacordado por alguns minutos na Vila Belmiro, nesta quarta-feira, no empate entre Santos e Atlético-MG . Os problemas, no entanto, começaram quando a ambulância que removeria o zagueiro não conseguiu entrar no estádio, causando um demora de cerca de dez minutos para que ele fosse levado a um hospital.

“Eu estava vendo o jogo e houve um obstáculo para a entrada da ambulância”, explicou Odílio Rodrigues, vice-presidente santista. “O certo seria remover o jogador na maca móvel, já que a ambulância não conseguia entrar”.

Segundo informações do médico do clube mineiro, doutor Otaviano de Oliveira Jr, o caso de Marques não preocupa e as devidas precauções já estão sendo tomadas. O atleta foi encaminhado até a Santa Casa de Misericórdia de Santos.

“Passou por exames, fez avaliação com neurocirurgião, não foi detectado nenhuma lesão. Não há perigo de sequelas pelo que acreditamos. Houve uma concussão, perda momentânea dos sentidos. Agora, aguardamos três dias por precaução. Ele permanece internado até amanhã”, disse.

O incidente poderia ter sido muito pior, inspirasse a situação do atleta cuidados mais imediatos. Oliveira Jr adverte sobre a gravidade do que aconteceu na Vila Belmiro. “O ideal era que a ambulância pudesse chegar, procuramos transportá-lo com segurança. Fica o alerta para solucionarmos os problemas”, alertou.

Rodrigues, porém, garantiu que o clube praiano resolverá a questão o mais rápido possível. “Marcamos reunião para ver o acesso da Vila, para saber o que aconteceu. Nós temos um departamento de patrimônio, de engenharia, uma diretoria de eventos, todos vamos nos reunir amanhã cedo e apurar o que aconteceu para termos explicações”, afirmou.

A respeito de uma possível punição no Superior Tribunal de Justiça Desportiva, o dirigente santista se mostrou cético. “Eu espero que não, na realidade temos um laudo como qualquer campo de futebol, válido até novembro. O Santos tem a sua praça de esportes liberada”

Por meio de comunicado oficial divulgado no site do Santos, logo após a partida, o clube informou que mantém três ambulâncias no estádio durante as partidas. A diretoria santista também aproveitou para desejar a Rafael Marques uma pronta recuperação.