Santos 2 x 3 Vasco

Data: 20/07/2005, quarta-feira, 21h45.
Competição: Campeonato Brasileiro – 13ª rodada
Local: Estádio da Vila Belmiro, em Santos, SP.
Público: 3.829 pagantes
Renda: R$ 43.230,00
Árbitro: Heber Roberto Lopes (PR)
Cartoes amarelos: Mauro e Ricardinho (S); Gomes e Ygor (V).
Gols: Geílson (20-1); Geílson (08-2), Anderson (09-2), Fernandinho (17-2) e Alex Dias (37-2).

SANTOS
Mauro; Paulo César, Hallison, Ávalos e Carlinhos; Bóvio, Wendell (Danilo), Giovanni e Ricardinho; Basílio e Geílson.
Técnico: Gallo

VASCO
Élinton; Wágner, Gomes, Diego e Ciro; Yves, Ygor, Felipe e Morais (Fernandinho); Alex Dias e Anderson (Dominguez).
Técnico: Renato Gaúcho



Santos perde do Vasco na Vila e desperdiça chance de liderar

O Santos foi derrotado por 3 a 2 pelo Vasco, nesta quarta-feira, na Vila Belmiro, em Santos, e perdeu a oportunidade de assumir a liderança isolada do Campeonato Brasileiro.

Com a derrota, a equipe paulista segue com 24 pontos, dois a menos que a líder Ponte Preta, mas uma vitória deixaria os santistas na liderança, já que o time de Campinas e o Internacional, que tem 25, também tropeçaram na rodada. O Vasco com a vitória foi a 12 pontos (19º).

Enquanto aguarda reforços da diretoria, o técnico Gallo não pôde contar na partida desta quarta-feira com o zagueiro Ávalos, suspenso, com o volante Fabinho e com o atacante Douglas, ambos machucados.

Altair substituiu Ávalos, enquanto Fabinho deu lugar a Wendell. Na frente, Basílio teve Geílson como companheiro de ataque.

O técnico Renato Gaúcho fez sua estréia no Vasco. Ele escalou uma equipe com três volantes, com apenas Morais na armação das jogadas. Romário, contundido, deu lugar a Anderson, que fez dupla com Alex Dias na frente.

Dominando a partida desde o início, o Santos abriu o placar aos 20min. Após falha de Ives na direita, a bola sobrou para Wendell, que cruzou para Geílson chutar de primeira e fazer o primeiro gol do Santos na partida.

A equipe da Baixada poderia ter ampliado cinco minutos depois. Após novo cruzamento de Wendell pela direita, Giovanni subiu sozinho e cabeceou à esquerda da trave do gol vascaíno.

A única boa chance do Vasco veio um minuto depois. Após chute forte de Alex Dias de fora da área, o goleiro Mauro defendeu em dois tempos. O Santos tinha um volume de jogo maior, mas não criava oportunidades de gol.

O Vasco voltou atacando na segunda etapa. Aos 6min, após cruzamento da direita, Ânderson quase fez de cabeça, mas o goleiro Mauro desviou antes do toque do atacante.

Mas foi o Santos quem marcou. Aos 8min, após belo passe de Ricardinho, Geílson chutou forte para fazer seu segundo gol na partida. Mas a reação do Vasco veio um minuto depois. Após novo cruzamento, Ânderson conseguiu chegar antes de Mauro para diminuir o placar.

A equipe carioca conseguiu o empate aos 17min. Após belo passe de calcanhar de Ânderson, Fernandinho marcou de cabeça.

Após o gol de empate dos visitantes, o Santos se perdeu na partida e passou a dar espaços ao Vasco, que criava as melhores oportunidades da partida. Aos 36min, Alex Dias recebeu bola do lateral Wagner Diniz, invadiu a área a fez o terceiro gol da equipe carioca.

O Santos passou a buscar o empate em jogadas aéreas, mostrando desorganização e nervosismo. A torcida protestou muito no final da partida.

O Santos volta a jogar pelo Campeonato Brasileiro no próximo domingo, quando enfrenta o Cruzeiro, no Mineirão, em Belo Horizonte. No mesmo dia, o Vasco recebe o Corinthians, em São Januário.