Santos 1 x 0 Grêmio

Data: 08/10/2006, domingo, 18h10.
Competição: Campeonato Brasileiro – 28ª rodada
Local: Estádio da Vila Belmiro, em Santos, SP.
Público: 15.539 pagantes
Renda: R$ 130.000,00
Árbitro: Clever Assunção Gonçalves (MG)
Auxiliares: Marco Antonio Gomes (Fifa-MG) e Márcio Eustáquio Santiago (MG)
Cartões amarelos: Heleno (S); Bruno Teles, Alessandro e Pereira (G).
Cartões vermelhos: Domingos (S) e Hugo (G).
Gol: Domingos (34-1).

SANTOS
Felipe; Domingos, Ronaldo e Luiz Alberto; Denis, Heleno, Cleber Santana, Rodrigo Tabata (Carlinhos) e Kléber (André); Rodrigo Tiuí e Jonas (Renatinho).
Técnico: Wanderley Luxemburgo

GRÊMIO
Marcelo; Patrício, Pereira, Evaldo e Bruno Teles; Sandro, Jeovânio (Alessandro), Tcheco, Ramon (Herrera) e Hugo; Rômulo (Ricardinho).
Técnico: Mano Menezes



Santos vence o Grêmio e assume a vice-liderança do Brasileirão

No confronto que reuniu os dois principais adversários do São Paulo na luta pelo título do Campeonato Brasileiro-06, o Santos venceu o Grêmio por 1 a 0, na Vila Belmiro, neste domingo, e assumiu a segunda posição da competição.

Com o triunfo, a equipe de Vanderlei Luxemburgo chegou aos 49 pontos, um a mais do que os gaúchos. Já o São Paulo, que bateu o Fluminense ontem, tem 56.

Sem poder contar com Zé Roberto, Fábio Costa, Maldonado, Manzur e Wellington Paulista por conta de suspensões e convocações para seleções, os santistas utilizaram o esquema 3-5-2, com Domingos, Ronaldo Guiaro e Luiz Alberto formando o trio defensivo.

Destaque da vitória por 3 a 0 diante do Corinthians, na quinta-feira, o jovem goleiro Felipe, 18, foi o responsável pelo primeiro momento de emoção da partida. Aos 22min, o arqueiro santista chutou a bola nos pés do adversário, que trocou passes até encontrar Hugo. O meia gremista bateu cruzado, próximo da trave esquerda do rival.

Logo na seqüência, no entanto, o Santos respondeu na mesma intensidade, com um chute de fora da área de Cléber Santana que assustou os gremistas ao passar perto da trave.

Em outra finalização de longa distância de Cléber Santana, o Santos abriu o marcador aos 35min, quando o atleta acertou cobrança de falta no travessão do goleiro Marcelo Grohe. No rebote, o zagueiro Domingos ganhou da defesa gremista e cabeceou para o gol vazio, abrindo o marcador.

Com vantagem no placar, a equipe paulista passou a ter a opção do contra-ataque com mais freqüência. Três minutos após o tento, Kléber saiu em velocidade pela esquerda e cruzou para Jonas, que se esticou todo, mas finalizou para fora.

Logo no início da etapa final, Hugo e Domingos se desentenderam em jogada pelo lado direito da defesa santista e foram expulsos pelo árbitro Cléver Assunção Gonçalves.

O menor número de atletas em campo fez bem para o Santos, que consertou o seu sistema defensivo sem efetuar substituições e se viu livre daquele que era o jogador mais perigoso do Grêmio. Assim, a equipe de Luxemburgo passou a tocar a bola com tranqüilidade e criou as melhores chances do segundo tempo.

Aos 22min, Luiz Alberto passou por um zagueiro gremista e chutou por cima do gol. Na seqüência, foi a vez de Kléber, que tentou cruzamento, mas quase acabou marcando.

O Santos volta a campo pelo Brasileiro no próximo sábado, quando vai ao Rio de Janeiro enfrentar o Botafogo. No mesmo dia, o Grêmio enfrenta o São Caetano, no estádio Anacleto Campanella.