Navegando Posts marcados como 1962

Santos 4 x 0 Noroeste

Data: 26/09/1962, quarta-feira
Competição: Campeonato Paulista – 1º turno – 13ª rodada
Local: Estádio da Vila Belmiro, em Santos, SP.
Renda: Cr$ 660.450,00
Árbitro: Fatore Euclides Rosa.
Gols: Pelé (21-1) e Zito (38-1); Pelé (29-2, de pênalti) e Coutinho (44-2). tempo.

SANTOS
Gilmar; Ismael, Olavo e Dalmo; Zito e Calvet; Dorval, Lima, Coutinho, Pelé e Pepe.
Técnico: Lula

NOROESTE
Navarro; Hamilton, Virgilio e Bassu; Leal e Miguel; Batista, Daniel, Zé Carlos, Celso e Bececê.
Técnico:



O Santos vence o Noroeste por 4 a 0; Pelé marca dois

Santos continua invicto e mantém a liderança, com 24 pontos ganhos e apenas 2 pontos perdidos.

Fonte: Estadão

Nova goleada do Santos FC: 4 a 0

Vitória do Santos; mais dois gols de Pelé

Fonte: Jornal Folha de SP – Págs. 18 e 19

Santos 3 x 2 Benfica

Data: 19/09/1962, quarta-feira.
Competição: Mundial Interclubes / Intercontinental Cup – Final – Jogo de ida
Local: Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, RJ.
Renda: Cr$ 31.205.110,00 (recorde nacional)
Público: 84.459 pagantes
Árbitro: Ruben Cabrera (PAR).
Auxiliares: Isidio Alvarez e Venceslau Zarate.
Gols: Pelé (31-1); Santana (15-2), Coutinho (20-2), Pelé (42-2) e Santana (43-2).

SANTOS
Gylmar; Lima, Mauro, Calvet e Dalmo; Zito e Mengálvio; Dorval, Coutinho, Pelé e Pepe
Técnico: Lula

BENFICA (POR)
José Rita; Angelo, Humberto, Raúl e Cruz; Cavem e Coluna; José Augusto, Santana, Eusébio e Simões.
Técnico: Fernando Riera



O Benfica ofereceu resistência mas o Santos venceu com méritos: 3 a 2

Fonte: Jornal Folha de SP

Santos 3 x 0 Peñarol

Data: 30/08/1962, quinta-feira, 15h15.
Competição: Copa Libertadores – Final – Jogo 3 (extra)
Local: Estádio Monumental de Núñez, em Buenos Aires, Argentina.
Público: 45.980
Renda: 5.365.400,00 pesos (Cr$ 26.827.000,00 aproximadamente)
Árbitro: Leopold Horn (HOL).
Gols: Caetano (11-1, contra); Pelé (03-2) e Pelé (44-2).

SANTOS
Gylmar; Lima, Mauro e Dalmo; Zito e Calvet; Dorval, Mengálvio, Coutinho, Pelé e Pepe.
Técnico: Lula

PEÑAROL (URU)
Maidana; González, Lezcano e Cano; Caetano e Gonçalvez; Pedro Rocha, Sasía, Matosas, Spencer e Joya.
Técnico: Bella Guttman



Pelé faz dois e Santos ganha o título do Peñarol por 3 a 0

Santos campeão da América do Sul.

Fontes:
Estadão
Jornal Folha de SP


Assista abaixo ao compacto da Cinemateca Uruguaya com 38 minutos de duração.





Créditos:
Vídeos: Almir Espindola e Cinemateca Uruguaya

Juventus 0 x 2 Santos

Data: 08/08/1962, quarta-feira
Competição: Campeonato Paulista – 1º turno – 4ª rodada
Local: Estádio do Pacaembu, em São Paulo, SP.
Renda: Cr$ 3.040.700,00
Árbitro: Eunápio de Queiroz.
Gols: Pagão (20-2) e Tite (42-2).

JUVENTUS
Moraes; Diógenes e Milton; Jair, Clóvis e Paulo; Gilberto, Da Silva, Joaquinzinho, Jair Francisco e Pinga.
Técnico: Sylvio Pirillo

SANTOS
Gilmar; Lima, Olavo e Dalmo; Zito e Calvet; Dorval, Mengálvio, Pagão, Pelé e Tite.
Técnico: Lula



Santos derrota Juventus no 2º tempo: 2 a 0

CBD e Santos tratam hoje de preparar um recurso para a CSAF

Fonte: Estadão

Prudentina 0 x 2 Santos

Data: 05/08/1962, domingo.
Competição: Campeonato Paulista – 1º turno – 3ª rodada
Local: Estádio Félix Ribeiro Marcondes, em Presidente Prudente, SP.
Renda: Cr$ 1.560.000,00
Árbitro: Anacleto Pietrobon.
Gols: Pelé (04-1) e Pagão (27-1).

PRUDENTINA
Rosan; Vicente, Rubens Caetano e Baú; Flávio e Clóvis; Reginaldo, Marin, Zeola, Rubens Josué e Ruiter.
Técnico:

SANTOS
Gilmar; Lima, Mauro e Dalmo; Zito e Calvet; Dorval, Mengálvio, Pagão, Pelé e Tite.
Técnico: Lula



Vitória santista no reaparecimento de Pelé

Fonte: Jornal Folha de SP