Navegando Posts marcados como 1963

Jogos inesquecíveis


Boca Juniors 1 x 2 Santos

Data: 11/09/1963, quarta-feira, 16h00.
Competição: Copa Libertadores – Final – Jogo de volta
Local: Estádio La Bombonera, em Buenos Aires, Argentina.
Público: quase 80.000 (superlotação)
Renda: 16.800 pesos / Cr$ 129.360.000,00
Árbitro: Marcel Albert Bois (FRA)
Gols: Sanfilippo (01-2), Coutinho (03-2) e Pelé (29-2).

BOCA JUNIORS
Néstor Errea; Rubén Magdalena, Orlando Peçanha e Carmelo Simeone; Antonio Rattín e Silveira; Ernesto Grillo, Norberto Menendez, Ángel Rojas, José Sanfilippo e Alberto González.
Técnico: Aristóbulo Deambrosi

SANTOS
Gilmar; Dalmo, Mauro Ramos, Calvet e Geraldino; Zito e Lima; Dorval, Coutinho, Pelé e Pepe.
Técnico: Lula



Santos cala a Bombonera e conquista o bicampeonato sul-americano

Fonte: Estadão

Santos 3 x 2 Boca Juniors

Data: 04/09/1963, quarta-feira
Competição: Copa Libertadores – Final – Jogo de ida
Local: Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, Brasil.
Público: 63.376 pagantes
Renda: Cr$ 41.770.700,00
Árbitro: Marcel Albert Bois (FRA).
Gols: Coutinho (18-1), Coutinho (20-1), Lima (28-1) e Sanfillippo (41-1); Sanfillippo (44-2).

SANTOS
Gylmar; Dalmo, Mauro Ramos, Calvet Geraldino; Zito e Lima; Dorval, Coutinho, Pelé e Pepe.
Técnico: Lula

BOCA JUNIORS (ARG)
Néstor Errea; Rubén Magdalena, Silvio Marzolini e Orlando Peçanha (Alcides Silveira); Carmelo Simeone e Antonio Rattin; Ernesto Grillo, Ángel Rojas, Norberto Menendez, José Sanfillippo e Alberto González.
Técnico: Aristóbulo Deambrosi



O Santos só jogou bem no 1º tempo, mas venceu

Fonte: Estadão


Assista abaixo ao jogo na íntegra: (duração 1h31)


Faça o download desta partida na íntegra abaixo, transmissão em espanhol da TV argentina:

Arquivo em 6 partes.

Botafogo 0 x 4 Santos

Data: 28/08/1963
Competição: Copa Libertadores – Semifinal – Jogo da volta
Local: Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, RJ.
Árbitro: Eunapio de Queirós
Renda: Cr$ 21.622.920,00
Gols: Pelé (11-1), Pelé (15-1), Pelé (33-1, de penalti); Lima (36-2).

SANTOS
Gilmar; Dalmo, Mauro e Geraldino; Zito e Calvet; Dorval, Lima, Coutinho (Almir, 38-2), Pelé e Pepe.
Técnico: Lula

BOTAFOGO
Manga; Joel, Zé Carlos e Rildo; Airton e Nilton Santos; Garrincha, Elton, Amoroso, Quarentinha e Zagalo (Jair Bala, 43).
Técnico: Danilo


Santos 1 x 1 Botafogo

Data: 22/08/1963 – às 21h15
Competição: Copa Libertadores – Semifinal – Jogo de ida
Local: Estádio do Pacaembu, em São Paulo, SP
Público: N/D
Renda: Cr$ 7.942.100,00
Árbitro: Eunápio de Queirós (BRA)
Gols: Jairzinho (24-2) e Pelé (45-2).

SANTOS
Gilmar; Dalmo, Maouro, Calvet e Geraldino; Zito e Lima; Dorval, Coutinho, Pelé e Tite (Toninho, 42-1).
Técnico: Lula

BOTAFOGO
Manga; Joel, Zé Carlos, Nilton Santos e Rildo; Élton e Airton; Amoroso, Quarentinha, Jair Bala e Zagallo.
Técnico: Danilo Alvim


Barcelona 2 x 0 Santos

Data: 12/06/1963
Competição: Amistoso
Local: Camp Nou, em Barcelona, Espanha.
Público: 85.000
Gols: Pereda (30-2) e Zaballa (42-2).

BARCELONA
Sadurni; Rodri, Garay e Eladio; Vergés e Endériz; Cubilla (Zaballa), Goywaerts, Morollón, Re (Pereda) e Fuste (Szalay).
Técnico:

SANTOS
Laércio; Mauro, Geraldino e Dalmo; Lima (Pagão) e Calvet; Dorval, Mengálvio, Coutinho (Nenê), Pelé e Pepe.
Técnico: Lula

Obs.: O Barcelona contou com os reforços de Morollón e Endériz, ambos do Real Valladolid, exclusivamente para este confronto com o Santos FC.

Abaixo estão disponíveis para leitura duas páginas do jornal Espanhol El Mundo Deportivo, edição de 13/06/1963 referente a partida.