Navegando Posts marcados como Sérgio Manoel

Fluminense 3 x 4 Santos

Data: 31/10/1993, domingo, 17h00.
Competição: Campeonato Brasileiro – 1ª fase – 2º turno – 11ª rodada – Grupo B
Local: Estádio das Laranjeiras, no Rio de Janeiro, RJ.
Público: 2.093 pagantes
Renda: CR$ 1.046.500,00
Árbitro: José Mocellin (RS)
Cartões amarelos: Lula, Márcio e Chiquinho (F); Márcio, Axel, Sérgio Manoel e Eduardo (S).
Gols: Nílson (09-1), Guga (11-1), Nílson (38-1); Guga (01-2), Axel (07-2), Sérgio Manoel (08-2) e Andrei (17-2).

FLUMINENSE
Nei; Júlio César, Junior Mineiro, Andrei e Wallace; Márcio Baby, Serginho, Jerry (Edinho) e Julinho (Chiquinho); Ézio e Nílson.
Técnico: Edu Antunes Coimbra

SANTOS
Velloso; Índio, Lula, Marcelo Fernandes e Eduardo; Gallo, Axel, Marcio Griggio e Darci (Ranielli); Guga (Neizinho) e Sérgio Manoel.
Técnico: Pepe



Santos vira o jogo com ‘armadilha tática’

Equipe de Pepe ataca e defende em bloco, surpreende o Fluminense, vira a partida e fica a quatro pontos do Grêmio

Fonte: Jornal Folha de SP

Santos 3 x 1 Palmeiras

Data: 26/09/1993, domingo, 16h00.
Competição: Campeonato Brasileiro – 1ª fase – 1º turno – 5ª rodada – Grupo B
Local: Estádio da Vila Belmiro, em Santos, SP.
Público: 11.703 pagantes
Renda: CR$ 6.462.300,00
Árbitro: Flávio de Carvalho (SP)
Cartões amarelos: Ranielli, Darci e Sérgio Manoel (S); Jean Carlo, Alexandre Rosa e Roberto Carlos (P).
Cartão vermelho: Edmundo (P, 31-2)
Gols: Roberto Carlos (02-1); Sérgio Manoel (32-1); Ranielli (27-2) e Almir (44-2).

SANTOS
Velloso; Índio Júnior, Ricardo Rocha e Sérgio Manoel; Gallo, Márcio Griggio, Darci e Ranielli (Lula); Almir e Guga (Neizinho).
Técnico: Antônio Lopes

PALMEIRAS
Sérgio; Gil Baiano (Saulo), Ântonio Carlos, Alexandre Rosa e Roberto Carlos; César Sampaio, Mazinho, Zinho e Jean Carlo (Edílson); Edmundo e Evair.
Técnico: Vanderlei Luxemburgo



Santos usa o pé esquerdo para vencer o Palmeiras

Fonte: Jornal Folha de SP

Jabaquara AC 0 x 2 Santos

Data: 05/12/1991, quinta-feira.
Competição: Amistoso
Local: Estádio Espanha, “Caneleira”, em Santos, SP.
Público: 632 (1.500 total)
Renda: Cr$ 1.264.000,00
Árbitro: Edmir Antônio Cordeiro
Gols: Serginho Fraldinha e Sérgio Manoel.

JABAQUARA AC
Cossa; Neto (Marcílio), Marquinhos, Toninho Carlos (Sidney) e Paulo Robson (Campioto); Jefter (Valdo), Gilberto Costa e Ronaldo (Paulo); Gersinho (Júlio César), Serginho Chulapa (Wellington) e Aluísio Guerreiro (Toninho Vieira).
Técnico:

SANTOS
Edinho; Índio, Marcelo Fernandes (Camilo), Luiz Carlos e Flavinho (Marcelo Veiga); Axel, Ranielli (Edmilson) e Sergio Manoel; Serginho Fraldinha, Paulinho McLaren (Cléber) e Tato (Luizinho).
Técnico: Écio Pasca



Inauguração dos refletores. O Jabaquara contava com sete ex-jogadores do Santos. Serginho Chulapa era o destaque o São Caetano.

Fonte: Almanaque do Santos FC – Guilherme Nascimento

Santos 4 x 0 Cruzeiro

Data: 08/04/1991, segunda-feira, 21h35.
Competição: Campeonato Brasileiro – 1ª fase – 12ª rodada
Local: Estádio da Vila Belmiro, em Santos, SP.
Público: 10.717 pagantes
Renda: Cr$ 11.548.000,00
Árbitro: Cláudio Gonçalves Garcia (RJ)
Cartões amarelos: Edu Marangon, César Sampaio e Sérgio Santos (S).
Gols: Edu Marangon (16-1), Almir (25-1) e Sérgio Manoel (44-1); Paulinho McLaren (41-2).

SANTOS
Sérgio; Sérgio Santos, Pedro Paulo, Camilo e Flavinho; César Sampaio, Zé Renato e Edu Marangon (Gláucio); Almir, Paulinho McLaren e Sérgio Manoel (Axel).
Técnico: Cabralzinho

CRUZEIRO
Roberto Carlos; Balu, Adilson, Paulão e Dinho; Ademir, Andrade e Ramon; Heider (Rogério), Charles e Marcelinho (Luiz Gustavo).
Técnico: Evaristo de Macedo



Santos goleia Cruzeiro e Paulinho é líder dos artilheiros

A atração da noite eram os artilheiros do campeonato, Paulinho e Charles, com 9 gols cada. Paulinho se deu melhor e assumiu a artilharia isolada o marcar o seu 10º gol na competição.

Vitória ajuda a afastar a “síndrome da Vila”, como vem sendo chamado na cidade o fato de o time jogar melhor fora de casa do que em seu estádio.

Fonte: Jornal Folha de SP
Imagens: TV Bandeirantes

Vasco 2 x 2 Santos

Data: 18/11/1990
Competição: Campeonato Brasileiro – 1ª fase – 19ª rodada (última)
Local: Estádio de São Januário, no Rio de Janeiro, RJ.
Público: 3.880 pagantes
Renda: Cr$ 4.194.000,00
Árbitro: Renato Marsiglia (RS).
Cartões Dedé, Boiadeiro, Zé do Carmo e Tosin (V); Pedro Paulo, Luiz Carlos, César Sampaio e Sérgio Manoel (S).
Gols: Luciano (01-1), Ney Bala (41-1); Bismarck (21-2) e Sergio Manoel (29-2).

VASCO
Acácio; Dedé, Tosin, Jorge Luís e Cássio; Zé do Carmo, Luciano (Boiadeiro) e Bismarck; Sérgio Araújo, Sorato e William.
Técnico: Zagallo

SANTOS
Sérgio; Índio (Mendonça), Pedro Paulo, Luiz Carlos e Marcelo Veiga (Derval); César Sampaio, Sérgio Santos e Edu Marangon; Almir, Ney Bala e Sérgio Manoel.
Técnico: Pepe