Navegando Posts marcados como Elói

Santos 1 x 0 Palmeiras

Data: 05/07/1981, domingo, 16h00.
Competição: Campeonato Paulista – 1º turno – 18ª rodada (penúltima)
Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo, SP.
Público: 15.669 total (15.630 pagantes e 39 menores).
Renda: Cr$ 3.224.400,00
Árbitro: Márcio Campos Sales.
Cartão amarelo: Adauto (P).
Gol: Elói (15-2).

SANTOS
Marolla; Suemar, Joãozinho, Amaral e Paulinho; Cacau, Toninho Vieira e Pita; Osny, Elói e Márcio Fernandes (Gilson).
Técnico: Sérgio Clerici

PALMEIRAS
Gilmar; Benazzi, Luís Pereira, Deda e Pedrinho; Adauto, Aragonés e Freitas; Osni (Galo), Paulinho (Reginaldo) e Jorginho.
Técnico: Jorge Vieira



A vitória que Clérice precisava

Ele modificou o time, que venceu o Palmeiras por 1 a 0, quebrou um tabu de 4 anos e classificou o Santos para o Octogonal

O Octogonal decidirá o campeão do 1º turno do Paulistão e, consequentemente, o finalista do torneio.

Antes da partida, Clerici resolveu punir Mococa e Roberto Biônico, que sequer seguiram para a concentração.

Santos vence sem mostrar bom futebol

O Santos quebrou um tabu de 4 anos sem vencer o Palmeiras. A última vitória havia ocorrido no Brasileiro de 77, por 1 a 0.

Cacau, a alegria de uma estreia bem sucedida

Clerici promoveu a estreia do promissor médio volante Cacau, de 19 anos, que começou a carreira no Volta Redonda e chegou ao Santos há 3 anos, após indicação de Pita.

O garoto foi considerado o melhor em campo.

Milan 1 x 2 Santos

Data: 23/06/1981, terça-feira, 21h00 (16h00 de Brasília).
Competição: Supercopa Mundial de Clubes (Mundialito) – 2ª rodada
Local: Estádio Giuseppe Meazza, em Milão, Itália.
Árbitro: Massimo Giulli
Gols: Batistini (11-1); Elói (17-2) e Elói (25-2).

AC MILAN
Pioti; Batistini, Icardi, Tarsotti e Maldena (Minola); Baresi, Novelino (Carotti) e Burlani; Romano, Antoneli e Moro.
Técnico:

SANTOS
Marolla; Suemar, Joãozinho, Amaral e Washington; Gilberto Costa (Gilson), Toninho Vieira e Pita; Claudinho (Roberto Biônico), Elói e João Paulo.
Técnico: Sérgio Clerici



De virada, Santos virada vence o Milan na Supercopa

Com dois gols de Elói, o melhor jogador em campo, ganhou por 2 a 1 e também passou a liderar o torneio

Presidente do Santos não aceitou o pedido de demissão de Clerici antes da partida contra o Milan.

Classificação após a rodada ficou assim:

1) Santos, Feyenoord e Internazionale: 3 pontos;
4) Peñarol: 2 pontos;
5) Milan: 1 ponto.

Próximos jogos:
26/06 – Santos x Internazionale, Milan x Peñarol;
28/06 – Santos x Feyenoord e Internazionale x Milan.

O desabafo de Sérgio Clérice

Na Itália, muitos elogios ao Santos

Fonte: Jornal Folha de SP – 24/06 e 25/06

Santos 4 x 1 Ferroviária

Data: 17/06/1981, quarta-feira,
Competição: Campeonato Paulista – 1º turno – 16ª rodada
Local: Estádio da Vila Belmiro, em Santos, SP.
Público: 3.868 pessoas (3.836 pagantes e 32 menores).
Renda: Cr$ 737.006,00
Árbitro: Édson Massa
Gols: Elói (12-1), João Paulo (15-1), Suemar (24-1) e Joãozinho (42-1); Fantato (39-2).

SANTOS
Marolla; Suemar, Joãozinho, Amaral e Washington; Toninho Vieira (Pita), Elói e Gilberto Costa; Gilson, Claudinho (Roberto Biônico) e João Paulo.
Técnico: Sérgio Clerici

FERROVIÁRIA
Aranha; Marinho, Vica, Arouca e Divino; Carlos, Zé Roberto e Sidnei; Silvio, Fantato e Gersinho.
Técnico: Dudu



Santos goleia a Ferroviária, sob vaias

A torcida boicotou a vitória por 4 a 1, protestou no final do jogo e exigiu punições, demissão de Clérice e contratações

As torcidas organizadas ficaram na parte externa do estádio, tentando convencer outros torcedores a aderir ao boicote contra “a vergonha que esse time nos fez passar quando perdeu da equipe mista do São Paulo”.

Fonte: Jornal Folha de SP

Santos 4 x 0 São Bento

Data: 03/06/1981, quarta-feira
Competição: Campeonato Paulista – 1º turno – 12ª rodada
Local: Estádio da Vila Belmiro, em Santos, SP.
Público: 2.819 pagantes
Renda: Cr$ 592.600,00
Árbitro: Osvaldo dos Santos Ramos
Gols: Gilson (20-1), João Paulo (30-1); Claudinho (05-2) e Elói (10-2).

SANTOS
Ademir Maria; Suemar, Joãozinho, Márcio Rossini e Paulinho; Gilberto Costa (Mococa), Elói e Pita (Roberto Biônico); Gilson, Claudinho e João Paulo.
Técnico: Sérgio Clerici

SÃO BENTO
Paulo; Lico, Luís Antônio, Nilson Andrade (Paranhos) e Vicente; Serelepe,Chiquinho e Adílson; Cremilson, Calada e Carlinhos (Júlio César).
Técnico: Sebastião Lapola



Santos goleia São Bento e agora é líder isolado

Fonte: Jornal Folha de SP

Paraguai 1 x 2 Santos

Data: 12/05/1981, terça-feira à noite.
Competição: Amistoso
Local: Estádio Defensores del Chaco, em Assunção, Paraguai.
Público: 36.447
Renda: 24.780.550,00 guaranis
Árbitro: Héctor Ortiz
Gols: Florentino; Elói e Roberto Biônico.

SELEÇÃO PARAGUAIA
Almeida (Fernandez); Espinola (Solalindel), Sosa, Aifuch e Torales; Benítez, Florentin (Kisse) e Romerito (Taladera); Isasi, Diarte (Diaz) e Cabans (Moreli).
Técnico:

SANTOS
Marolla (Ademir Maria); Suemar (Paulinho), Joãozinho, Amaral e Washington; Toninho Vieira (Márcio Fernandes), Elói e Pita (Gilberto Costa); Osny (Gílson), Roberto Biônico (Almir) e João Paulo.
Técnico: Sérgio Clerici



Santos reage e derrota o Paraguai em Assunção

Amistoso preparatório para as eliminatórias da Copa do Mundo da Espanha em junho de 1982.

O Paraguai acabou sendo eliminado no Grupo 3, ficando na última colocação. O grupo contava com Chile e Equador, e os paraguaios tiveram três derrotas e apenas uma vitória.

Fontes:
Estadão
Jornal Folha de SP
– Almanaque do Santos FC – Guilherme Nascimento