Navegando Posts marcados como Ailton Lira

São Bento 3 x 1 Santos

Data: 29/08/1979, quarta-feira, 15h00.
Competição: Campeonato Paulista 1979 – 1ª fase – 1º turno – 18ª rodada – Grupo B
Local: Estádio Municipal Walter Ribeiro, em Sorocaba, SP.
Público: 10.785 total (9.463 pagantes 1.322 menores).
Renda: Cr$ 490.910,00
Árbitro: José de Assis Aragão.
Cartão vermelho: Arlindo Nilo (SB) aos 43-2.
Gols: Aílton Lira (17-1); Brandão (05-2), Ticão (15-2) e Brandão (19-2).

SÃO BENTO
Márcio; Zanata, Tutu, Nilson Andrade e Arlindo Nilo; Serelepe, Ticão (Adão) e Wilson (Brandão); Cremilson, Campos e Gatãozinho.
Técnico: Adib Rachid (interino)

SANTOS
País; Valdemir, Neto, Fernando e Washington; Toninho Vieira, Aílton Lira (Zé Carlos) e Rubens Feijão; Augusto (Lívio), Juary e João Paulo.
Técnico: Ilton Chaves



Santos, simplesmente ridículo em Sorocaba

Primeira derrota sob o comando de Ilton Chaves. Estreia do ponta direita Augusto, ex-Caldense.

Os santistas inconsoláveis

Fonte: Jornal Folha de SP

São Bento consegue vitória justa

Fonte: Estadão

Santos 2 x 0 Ponte Preta

Data: 07/06/1979, quinta-feira.
Competição: Campeonato Paulista 1978 – 3º turno – 8ª rodada (penúltima) – Grupo F
Local: Estádio do Pacaembu, em São Paulo, SP.
Público: 40.755 pagantes
Renda: Cr$ 1.675.630,00
Árbitro: João Leopoldo Ayeta.
Cartões amarelos: João Paulo (S); Humberto, João Paulo, Dicá e Marco Aurélio (PP).
Gols: Juary (44-1) e Aílton Lira (42-2).

SANTOS
Vitor; Nelsinho Baptista, Joãozinho, Neto e Gilberto Sorriso; Toninho Vieira, Aílton Lira e Pita; Nílton Batata, Juary e João Paulo.
Técnico: Chico Formiga

PONTE PRETA
Carlos; Toninho, Oscar, Eugênio e Toninho Costa; Humberto, Dicá e Marco Aurélio (Wilsinho); Lúcio, Osvaldo e João Paulo.
Técnico: Cilinho



O Santos está na dependência de um ponto

Com a vitória, santistas chegarão à classificação empatando domingo com o Corinthians

Após 8 jogos, o Santos soma 10 pontos no Grupo F, 3 atrás do líder Palmeiras.

Fontes:
Jornal Folha de SP
Estadão

Guairense 1 x 2 Santos

Data: 18/05/1979, sexta-feira à noite.
Competição: Amistoso
Local: Estádio Municipal José Zuquim Nogueira, em Guaíra, SP.
Público: 6.000
Renda: Cr$ 380.000,00
Árbitro: Ulisses Tavares da Silva.
Gols: Aílton Lira (35-1) e Silvinho (41-1); Joãozinho (41-2).

AA GUAIRENSE (SP)
Silva; Clóvis, Gregório, Maurício e Beto; Jackson, Donizetti (Lazinho) e Juarez; Silvinho (Eurípedes), Isidoro e Soares.
Técnico:

SANTOS
Vitor; Fernando, Joãozinho, Neto e Gilberto Sorriso; Toninho Vieira, Aílton Lira (Zé Carlos) e Pita (Cardim); Claudinho (Rubens Feijão), Juary e João Paulo.
Técnico: Chico Formiga



Vitória do Santos na festa de Guaíra

Comemoração dos 50 anos da fundação do município de Guaíra.

Fonte:
Estadão
Jornal Folha de SP

Portuguesa 2 x 3 Santos

Data: 11/03/1979, domingo, 17h00.
Competição: Campeonato Paulista 1978 – 2º turno – 14ª rodada
Local: Estádio do Pacaembu, em São Paulo, SP.
Público: 37.605 total (36.336 pagantes e 1.269 menores).
Renda: Cr$ 1.123.980,00
Árbitro: Marcio Campos Sales.
Cartões amarelos: Pradera, Enéas e Alcino (P); Pita (S).
Gols: Alcino (24-1, de pênalti), Nelsinho Baptista (39-1), Aílton Lira (44-1, de pênalti); Alcino (21-2) e Juary (25-2).

PORTUGUESA
Moacir; Marinho, Pradera, Beto Lima e Nelsinho; Eudes (Tatá) e Wilson Carrasco; Elói, Alcino, Enéas e Jorge Luis (Camargo).
Técnico: Osvaldo Brandão

SANTOS
Vitor; Nelsinho Baptista, Joãozinho, Neto e Gilberto Sorriso; Clodoaldo e Aílton Lira; Nílton Batata, Pita, Juary (Célio) e João Paulo.
Técnico: Chico Formiga



Agora que a Portuguesa jogou bem, perdeu

Foi um ótimo clássico, com 3 a 2 para o Santos, muita movimentação, pênaltis e, no final, a revolta a e nervosismo de Brandão

Reservas: Flávio, Antonio Carlos, Toninho Vieira, Nelson Borges e Célio.

Fonte: Jornal Folha de SP

São Paulo 1 x 4 Santos

Data: 28/01/1979, domingo, 17h00.
Competição: Campeonato Paulista 1978 – 2º turno – 5ª rodada
Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo, SP.
Público: 78.472 pessoas (74.356 pagantes e 4.116 menores)
Renda: Cr$ 2.971.680,00
Árbitro: Roberto Nunes Morgado.
Auxiliares: Nuno do Val Macieira e Alcírio Valter Ferreira Agostinho.
Cartões amarelos: Teodoro e Antenor (SP); Aílton Lira, Clodoaldo e João Paulo (S).
Gols: Juary (12-1), Juary (28-1), Serginho Chulapa (02-2, de pênalti), Aílton Lira (16-2, de pênalti) e Aílton Lira (45-2, de pênalti).

SÃO PAULO
Waldir Peres; Antenor, Estevão, Marião (Getúlio) e Bezerra; Teodoro e Peres (Darío Pereyra); Edu, Neca, Serginho Chulapa e Zé Sérgio.
Técnico: Rubens Minelli

SANTOS
Vitor; Nelsinho Baptista, Joãozinho, Neto e Valdemir; Clodoaldo, Aílton Lira (Zé Roberto) e Pita; Nílton Batata, Juary (Célio) e João Paulo.
Técnico: Chico Formiga



No vestiário o Santos já sabia como iria golear

Fonte: Jornal Folha de SP